Páginas

sábado, 26 de junho de 2010

Blizzard 2ª Temporada - Episódio 6

Blizzard 2
6 - Mudança de Sentimentos
  Eu me lembro de uma coisa que eu disse antes de vir para o Japão: Que tudo iria correr bem, na verdade não foi exatamente isso que aconteceu... Ficar encarando Kyou por um vidro no hospital junto com Shima, era meio que preocupante, eu estava começando a ficar aflita. Eu também podia ver a aflição no rosto de Shima, ele estava bem assustado com tudo que estava acontecendo aqui.
  - Foi tudo tão... - começou ele - Rápido.
  - É... - eu respondi para ele - Quem diria que isso ia acontecer justo no meu primeiro dia?
  - Anelisse, não foi culpa sua. - ele disse olhando para mim - No momento não podemos fazer nada mais por ela.
  - Eu queria poder fazer alguma coisa por ela... - eu falei cabisbaixa.
  - Não se sinta mal, a Kyou vai voltar.
  - Como pode ter tanta certeza Shima?
  - Não sei... - disse ele olhando para o vazio - Mas eu sinto que isso pode acontecer.
  - Eu... também acho...
  Resolvemos sair do hospitar e andar um pouco, pegar um pouco de ar fresco, pelo menos, isso era o mínimo que podemos fazer.
  - Shima, quantos anos você tem? - perguntei para ele.
  - 15. - disse ele - Faço aniversário mês que vem.
  - Que dia?
  - 26.
  - Olha que engraçado. Eu fiz 16 no mês passado dia 25!
  - É muito engraçado mesmo.
  - Faz muito tempo que você conhece a Kyou? - perguntei para ele mudando de assunto.
  - Hum... deixe-me ver... - disse ele pensativo - Acho que desde o primário.
  - Nossa! Que coisa mais... uh... é... - eu não estava achando as palavras para dizer.
  - Perseverante - disse ele.
  - É! É isso aí! - por que em um instante eu me senti mais quente por dentro?
  - Quer tomar sorvete? - perguntou ele.
  - Eu adoraria... - parece idiota pensar assim, mas talvez se eu tomasse sorvete meu corpo ficasse mais frio - Mas, não é estranho para você, tomar sorvete no inverno?
  - Para mim toda hora pode ser hora de sorvete - disse ele olhando para mim - Só precisa de vontade! - ele deu uma risada.
  Burra. 
  Eu sou uma burra.
  Uma burra das burras.
  Eu não havia percebido que esse calor dentro de mim era o nervosismo... Que tipo de garota eu sou, se nem consigo entender meu corpo? Mas por que eu estava tão nervosa quando ficava junto com Shima? Eu não tenho nada contra ele... Pelo menos eu acho.
  Mas ainda assim me considero uma burra.
  Shima pegou aquele sorvete que se divide em dois, e repartiu um comigo.
  - Gostoso não é? - perguntou ele.
  - É acho muito gostoso. - Minha voz não era a minha voz era meio envergonhada, meio... tremida.
  - Então... Nos vemos amanhã? - perguntou ele quando havia terminado o sorvete.
  - Claro! - eu disse como se aquilo me pegasse de surpresa.
  Eu fiquei observando ele ir embora.
  Insight.
  Epifania.
  Burra não, pelo menos não mais.
  Eu finalmente descobri o que estava acontecendo comigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário