Páginas

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Fame


  Fame o Musical, é um dos maiores sucessos mundiais no palco, um espectáculo que surge após os êxitos alcançados com o filme e a série televisiva dos anos 80 e cuja história se centra num grupo de alunos que estuda na New York High Scholl of Performing Arts, na 46th Street. Uma história profunda de paixão e dedicação de estudantes que lutam por um lugar no mundo artístico que consegue congregar ricos e pobres, negros e brancos, num ambiente escolar exigente, electrizante, mas alegre, onde todos lutam por atingir os níveis mais elevados para conseguir alcançar o sucesso.
  Porém, para poder compreender Fame, é necessário compreender o que é um musical, que não é simplesmente um teatro com canções, tem todo um contexto maior para ser estudado.


  Musical é um gênero em que a narrativa é constituída por um combinado de músicas coreografadas e diálogos falados.
  O termo é utilizado para definir a união do teatro com a música. Pode se confundir com a ópera ou o cabaré, visto que os três apresentam estilos diferentes, porém as linhas que os delimitam são difíceis de definir. Em sua maioria, possuem roteiros quase que completamente cantados sendo raras as partes em que há diálogo entre os personagens e uma orquestra ou banda ao fundo criando a trilha sonora para fundir a cantoria à atuação.
   Os três componentes essenciais de um espetáculo musical, são: a música, a interpretação e o enredo. 
  A música e a letra são o propósito do musical; o enredo refere-se à parte dramática do espetáculo e a interpretação relaciona as performances de dança, encenação e canto.
   Com cerca de vinte a trinta canções, podem durar desde uns poucos minutos à várias horas. Os mais populares, duram de duas horas à duas horas e quarenta e cinco minutos e atualmente, são geralmente apresentados com intervalos de quinze minutos entre os atos.

Agora, que foi esclarecida a dúvida sobre o músical, vamos entender melhor o musical Fame.
Poster do filme Fame de 1980
  Fame na verdade foi um filme musical estadunidense de 1980. O filme relatava a vida de 8 adolescentes e sua grande vontade de conseguir uma vaga para a Escola de Artes Performáticas de Nova York. O filme foi bem sucedido chegando a ganhar em 1981 dois Oscars, um por melhor trilha sonora e o outro por melhor canção original; um Globo de Ouro por melhor canção original e um prêmio  BAFTA (British Academy of Films and Television Arts - pode ser considerado como o Oscar Britânico). Dois anos depois do lançamento do filme, foi feita uma série produzida pela MGM Television, onde mostrava a vida dos estudantes após terem entrado na Escola de Artes Perfomáticas de Nova York. A série foi bem sucedida, tendo uma duração de 6 temporadas e um total de 136 episódios de 1 hora, ganhando inúmeras premiações, a série foi exibida entre 1982 e 1987. Fame só foi adapatada para ser um musical no ano seguinte. 9 anos depois foi criada uma nova versão parecida com o musical, entitulada de Fame L.A. a série não obteve tanto sucesso como seu anterior, ficando apenas um ano no ar e tendo somente 22 episódios. Em 2003 produzido pela MGM Television, um programa de talentos baseado no intúito do filme Fame foi lançado com um propósito parecido com o do filme. Fame ganhou um remake em 2009 porém boa parte da crítica não achou que foi tão fiel ao original como prometia ser.
Abertura da série Fame (1982 - 1987)
Logo da série Fame L.A. (1998 - 1999)
 
Poster do filme Fame de 2009

  Fame tem 2 atos que podem ser resumidos assim:
Ato I
  Um grupo de vibrantes, multi-étnicos, multi-culturais e energético os jovens se reune para uma audição para estudar na Escola de Artes Performáticas de Nova York. Srta. Sherman, uma dos professores, adverte a turma de calouros que é preciso muito mais do que sonhos para ter sucesso em "PA". Os estudantes reconhecem que o que é preciso. Na aula de teatro, Nick e Serena ensaiam uma cena e descutem suas experiências de vida. Nick, um ex-ator mirim com uma séria ambição deseja mudar as pessoas emocionalmente. Sr. Myers, o professor de teatro, pede-lhes para pensar em como uma sensação física pode desencadear uma resposta emocional. Joe discute as reações físicas que acontecem sempre que ele acha de uma menina bonita (Carmen) na aula de dança. Enquanto isso, na aula de dança, Tyrone não pode se familiarizar com Ballet e afirma que ele pode fazer melhor, resultando em toda a turma fazendo uma dança de hip hop. Isso faz com que a senhorita de Bell vê potencial de Tyrone como coreógrafo, então a profossra faz Tyrone ser parceiro de Iris, uma bailarina. Iris zoa a falta de experiência com dança clássica de Tyrone, enfurecido com seus comentários, ele começa um rap expressando sua ira, Iris pede desculpas e o beija.  Nick e Serena estão ensaiando uma outra cena e Serena confessa que quer tentar algo romântico e apaixonado. Serena está apaixonada por Nick, mas Nick está voltado principalmente para atuar. Serena lamenta seu amor não correspondido. Depois,Carmem interrompe Scholmo enquanto pratica seu violino, dando-lhe letras que ela escreveu para a melodia que ele sempre toca. Schlomo tenta tocá-las, e faz algumas alterações com as letras de Carmen, o que resulta em Carmen juntar a banda, e logo após, beijá-lo. Goody (também na banda, junto com Lambchops) tira sarro de Schlomo depois. No almoço, Carmen e os outros alunos sonham ver seus nomes nas luzes. No corredor, Sra. Sherman fala para Tyrone sobre sua atitude despreocupada em relação à educação e o avisa do risco de não participar do Festival de Outono, caso suas notas não melhorem. Srta. Bell ouve e argumenta que os empreendimentos artísticos de Tyrone são mais importantes do que o seu desempenho acadêmico. Tyrone ameaça abandonar a escola.

Ato II
  Em um ensaio de dança, Mabel, uma dançarina com excesso de peso, queixa-se de reter água, e outros problemas que tem enfrentado com o seu corpo. Ela confessa que, embora muitas tentativas de perda de peso e dietas esquemas, ela sempre vai voltar para a "Dieta Seafood: Eu vejo comida, e então eu comê-lo!" (Trocadilho entre a palavras sea e see, que tem quase a mesma pronúnica, porém significados diferentes: mar e ver) Ela reza em voz alta e pede ajuda a Deus para não se tornar "a dançarina mais gorda do mundo", logo após acabou tendo uma epifania e decidiu mudar seu papel principal. Mais tarde, Nick parabeniza Serena por obter o papel principal feminino de Juliet em seu show Júnior, Romeu e Julieta. Serena fica animado e assume que Nick ganhou o papel de Romeu. No entanto, ela se surpreende ao saber que Joe Vegas tem o papel de Romeu e Nick ganhou o papel de Mercutio. Lambchops sugere que Nick é gay, e quando Serena enfrenta-o, Nick furiosamente responde que ele é hétero. Frustrado com ele, Serena percebe que isto é atuar, é tudo sobre canalizar suas emoções. Carmen diz a Schlomo seu plano de deixar a escola e ir para Los Angeles. Ela conheceu um agente de Hollywood chamado Elliot Greene, que está enviando uma passagem de avião. Schlomo implora para ela não ir. Ele a tinha visto entrar na limousine de Elliot e acusa-a de usar cocaína com ele. Schlomo diz Carmen ele a ama, mas é deixado sozinho com seu instrumento musical.
   Na aula de Inglês, Tyrone está lendo um gibi Superman. Srta. Sherman pega, e obriga-o a levantar-se na frente da classe e ler a história em quadrinhos. Ele a acusa de tentar fazê-lo parecer estúpido. Em seguida, ele a acusa de racismo, Srta. Sherman lhe dá um tapa no rosto e, chocado com o que ela fez, foge. Tyrone diz para seus colegas de classe que não precisa ajuda, ou a capacidade de ler ou escrever - ele é um dançarino, e isso é tudo que ele precisa. Confrontando a sua dor e frustração, Tyrone vai para a lousa, escreve "vou ler", e foge. Srta, Sherman entra, o que ele escreveu, e está profundamente tocada.
   Os estudantes ensaiam Romeu e Julieta. Joe, Romeo jogando insegura, tem sido improvisos. Serena pede a ele para ser sério na peça. Nick, ao tentar explicar a Joe como o é papel, sugere que ele e Serena são como Romeu e Julieta. Após o beijo-técnico em Serena, Nick se encontra agora um pouco confuso. Tyrone pergunta a Iris porque ela tem tido evitá-lo durante todo o ano. Ela diz que não quer estar vinculada a um perdedor. Para mostrar a ela que ele é sério, ele diz a ela que ele está repetindo seu último ano e lê uma passagem de Leaves of Grass para ela. Eles dançam um pas de deux e andam para fora juntos, de mãos dadas.
  Alguns dos professores confrontam e acusam a Srta, Bell de influenciar um professor da escola de verão para passar Tyrone. Eles insistem que ele deve repetir o ano. A "Dance Theater of Harlem" está pronto para levá-lo, mas ele deve repetir o ano. Srta. Bell finalmente admite que ela pode estar perdendo sua perspectiva e decide fazer uma pausa. Carmen está de pé em frente à escola olhando fisicamente perdida e desorientada. Ela para Schlomo e diz-lhe a verdade sobre suas experiências em Hollywood. Carmen promete-lhe que ela vai sair das drogas e levá-la ao GED (Exames nos EUA em estilo parecido com o Enem). Ele lhe dá alguns dólares e, infelizmente, se afasta.
  Na festa de despedida, todos estão vestidos e a festa é alta e festiva. Nick finalmente confessa seus sentimentos para Serena e eles decidiram tentar namorar, embora estejam indo para faculdades diferentes. No dia da cerimônia de formatura, Schlomo diz a todos que Carmen morreu há pouco tempo a partir de uma overdose de drogas, e eles cantam "Bring On Tomorrow" em sua memória.
  Após a última cena, Carmen volta dançando em cima de um táxi e canta "Fame" para o fim do musical. Os estudantes são todos pensadom em suas respectivas direções, animados com o futuro.
 
 
Nick Piazza - Ambicioso, entusiasmático, sempre levou a atuação como uma coisa séria. Esconde um interesse romântico por Serena.
Serena Katz - Tímida, porém uma atriz afiada e entusiasmática. Desenvolve e corresponde sentimentos amorosos por Nick.
Jose 'Joe' Vegas - Estudante espanhol. Barulhento, engraçado e cômico. Desenvolve um amor não correspondido por Carmen.
Carmen Diaz - Uma dançarina sexy, confiante e arrogante com um grande ego. Carmen está determinada a ser sempre mais e é obcecada com a fama, acredita que tem o que é preciso para atingir este objetivo. Incialmente tem um relacionamento casual com Tyrone, mas depois desenvolve sentimentos românticos por Scholomo. Mais tarde morre de overdose de drogas.
Tyrone Jackson - Um dançarinho talentoso de hip hop disléxico que veio de uma cena pobre. Divide um sentimento de amor e ódio com Iris.
Mabel Washington - Uma dançarina barulhenta e obesa que está desesperada para perder peso, porém não resiste à comida. Ás vezes fala o que pensa e dá conselhos para outros personagens em situações-problema.
Iris Kelly - Uma dançarina bem graciosa e talentosa de ballet, que acredita ser de uma família rica, porém mais tarde é revelado (na versão amadora e para as escolas) que ela não é. Muitas vezes aparece como uma personagem má-intencionada. Iris é insegura e tem medo das pessoas não gostarem dela. Nutre um sentimento de amor e ódio com Tyrone.
Scholomo Metzenbaum - Violinista tímido (ou flautista, dependendo do ator) que monta uma banda de rock. Schlomo vem de uma cena músical onde seu pai é um famoso violinista. Schlomo está farto de ser bonzinho e quer se rebelar. É praticamente um geek e inseguro, porém é muito inteligente academicamente. Desenvolve sentimentos amorosos por  Carmen.
Grace 'Lambchops' Lamb - Uma garota barulhenta e rockeira que toca bateria na banda de Scholomo. Ás vezes perde a paciência e não leva a escola sériamente.
Goodman 'Goody' King - Um trompetista/saxofonista que está na banda de Scholmo. Acredita-se que ele é o melhor amigo de Scholomo.
Srta. Esther Sherman - Uma professora de inglês rígida fora de moda que ama seus alunos apesar de ser muito dura com eles.
Sra. Greta Bell - Professora de dança com uma grande paixão por estilos diferentes de dnaça. Acredita que a dança é um estilo de vida. É muito protetora e confia em seus estudantes. 
Sr. Myers - Um professor descontraído de teatro com uma obsessão pela psicologia humana.
Sr. Sheinkopf - Tutor de música européia com um amor pela música clássica e detesta qualquer coisa rock 'n' roll.


Ato I
Pray I Make P.A (Prologue) [Rezo Para Entrar na PA (Prólogo)] - Todos
Hard Work - [Trabalho Duro] - Todos
I Want to Make Magic - [Quero Fazer Mágica] - Nick
Can't Keep It Down [Não Consigo Conter] - Joe, Alunos
Tyrone's Rap - [Rap do Tyrone] - Tyrone
There She Goes! /Fame [Lá Vai Ela!/Fama] - Carmen, Alunos
Let's Play a Love Scene [Vamos Interpretar Uma Cena de Amor] - Serena
Bring on Tomorrow [Que Venha Amanhã] - Scholomo e Carmen
Teacher's Argument [Briga das Professoras] - Srta. Bell e Srta. Sherman
Hard Work - [Trabalho Duro] - Todos (Reprise)
Ato II
 I Want to Make Magic - [Quero Fazer Mágica] - Nick e Todos ou Nick, Serena, Joe e Todos (Reprise)
Mabel's Prayer [A Oração de Mabel] - Mabel, Alunos
Think of Meryl Streep [Pense na Meryl Streep] - Serena
Dancin' on the Sidewalk [Dançando na Calçada] - Tyrone, Alunos
These Are My Children [Essas São Minhas Crianças] - Srta. Sherman
Pas de Deux [Passo à Dois] - Tyrone e Iris
In L.A. [Em L.A.] - Carmen
Let's Play a Love Scene [Vamos Interpretar Uma Cena de Amor] - Serena e Nick (Reprise)
Bring on Tomorrow [Que Venha Amanhã] - Papéis principais, Alunos (Reprise)
Finale: Hard Work/Fame [Trabalho Duro/Fama] - Todos (Reprise)
 
  Em 1988, Fame - O Musical teve sua primeira produção no Coconut Grove Playhouse em Miami, Flórida, porém só retornou ao lugar 22 anos depois, ou seja em 2010.
Coconut Grove Playhouse, Miami, Flórida
  Depois da sua estréia, ele teve a produção no Walnut Street Theatre em Filadéfia, Pensilvânia, esteve em cartaz por mais ou menos um mês e foi considerado um sucesso. O musical foi para uma Off-Brodaway (teatros com uma capacidade um pouco menor do que os teatros da Brodaway) em 2003, o musical foi apresentado no Little Shubert Theatre, em Nova York bem próximo à Brodaway, foi dirigida por Drew Scott Harris e conduzida Eric Knight Barnes
 
 
 
 
  
Confira abaixo o ano de todas as produções oficiais de Fame até o presente momento:
1988 Miami, Flórida
1989 Filadéfia, Pensilvânia
1993 Stockholm
1995 West End
1996 UK National Tour
1997 US Cast European Tour
1997 West End revival
1999 US Regional Tour
2000 UK National Tour
2000 West End revival
2001 US Regional Tour
2001 UK National Tour
2003 U.S. Tour
2003 West End revival
2003 Off-Broadway
2004 West End revival
2005 West End revival
2006 CBA of Puerto Rico revival
2006 Tallinn, Estonia
2007 UK Tour
2007 West End
2008 Paris, France
Teatre Comedia revival
2008 Central Academy of Drama Beijing (em Mandarim)
2009 York UK
2009 Nov 18-21 Hong Kong Academy for Performing Arts (em Cantonense)
2009 China Tour
2010 Paris
2010 Australian Tour
2010 Monte Carlo, Monaco
2010 Irish Tour
2011 Hazlitt Youth Theatre
 
 
 
Cena final do Musical Fame

Hard Work
 
Dancin' on the Sidewalk

Pas de Deux

Teacher's Argument

*Referências*
Wikipedia:

Sites Oficiais do Musical



  Este post foi realizado com a ajuda dos meus amigos, Ágata, Francielle e Andrey, espero que tenham gostado :)
 

(Maldita) Geração Z



Geração doZegoístas

 
  Recentemente, a banda de Happy Trash Rock Restart, divulgou a capa de seu novo CD e a explicação do nome no programa Acesso MTV.
  De acordo com a banda Geração Z é a geração na qual vivemos atualmente, a geração da tecnologia que tem tudo na mão e quando quer.
  Então isso quer dizer que a Geração Z pode ser traduzida como a geração do egoísmo? Uma colega de crisma me disse que no Etecap eles organizam passeatas que nem nos anos 80, SÓ UMA ESCOLA, e SÓ ALGUNS ALUNOS fazem isso.
  Eu já disse isso em alguns blogs, mas eu gostaria muito de ter participado dessas passeatas dos anos 80 e tal, deveria ter sido um dos momentos mais legais da juventude brasileira, minha professora de história chegou a participar dos caras-pintadas e ela vive contando as experiências de como foi esse dia e eu fico pensando... O que eu fiz para meu país? Praticamente nada.
  E não canso de dizer que vivo na pior geração, esta maldita geração Z. Geração do egoísmo, do vazio e do ridículo.
  Músicas sem conteúdo, principalmente. Cadê os filhos dos filhos da revolução? Como diria Renato Russo? Provavelmente devem estar brigando com a PM na USP para poderem fumar uma maconha em paz e se matarem aos poucos. Eu sinto vergonha, VERGONHA estou morrendo de vergonha.
  Pensam somente no presente e que se dane o futuro. É isso? Então OK, deixem o mundo como está e acarquem com as consequências, pois eu não irei limpar a sujeira que causarem e tenho certeza que muita gente não limpará.
  Acho que já falei o suficiente, e minhas singelas palavras não irão mudar em nada.
  
 Pelo menos nesta semana vou falar de coisa boa: O musical Fame.
  

sábado, 12 de novembro de 2011

Explosão de Livros!

z
Oi Pessoal!
Faz um tempo que eu não falava sobre livros não é? Pois então aí vão 3 livros que eu li ultimamente!
*Dois desses livros são da biblioteca da escola, então não tenho muita informação técnica sobre eles*


Ficha Técninca
Título: Três Animais
Autores: Jack London, Anna Sewell e Marcia Kupstas
Tradução: Marcia Kupstas
Editora: Ática
 
  Três animais faz parte de uma coleção chamada 3X3, onde um autor adapta duas histórias e escreve uma própria com o mesmo tema, no caso foi sobre animais.
  A primeira história foi de Jack London, com O Chamado Selvagem, que conta a história de Buck, um cachorro que viveu na época de 1896, onde a busca pelo ouro era constante, a história era narrada em terceira pessoa, porém é bem realista, já que o escritor, já teve experiência em relação á corrida do ouro. A história de Buck não é nem um pouco agradável, ele foi roubado de sua casa e nunca mais iria vê-la novamente, e foi usado como cachorro que puxava o trenó de garimpeiros até os rios, a história é tocante e nos ensina vários valores, dando destaque á lealdade.
  A segunda história foi de Anna Sewell, com Beleza Negra, que conta a história de um cavalo que nasceu em um estábulo rico e foi bem tratado porém ele foi vendido e passou por todo o tipo de situação, desde cavalo de madame ignorante como cavalo de aluguel. Beleza Negra sofre bastante durante sua vida, tanto que seus amigos também sofreram trágicos fins. A história é realmente de se impressionar e se emocionar.
  A terceira e última história foi de Marcia Kupstas, Herói o Gato, que conta a história de Preto, um gato que nasceu em pleno dia de ano-novo, a história fala sobre sua vida nas ruas e de como ele aprende a fazer coisas como um gato de verdade, é muito bonitnha :3 Eu adoraria contar a história, mas isso seria muito spoiler!
 
 
Ficha Técninca
Título: Revolução em Mim
Autores: Marcia Kupstas
Editora: Moderna
 
  Revolução em Mim se passa na época de 1980 no Brasil, quando o país ainda estava tentando sair da ditadura militar. O livro conta a história de Maria Rita, uma garota da classe média alta que mora em São Paulo, seus pais acabaram de se separar e ela foi obrigada a morar com sua avó paterna que de acordo com ela é muito pobre. Rita se comporta como uma mimada tanto que acaba irritando sua avó, aos poucos elas vão se entendendo, tanto que Rita tem um segredo, está namorando um cara mais velho que ela, mas o susto é maior quando Rita descobre que sua avó também está namorando um senhor. Graças ao namorado de sua avó, Rita acaba se envolvendo cada vez mais em assuntos políticos, como a questão das Diretas enquanto tenta reconciliar seus pais.
  Eu pessoalmente acho que todo adolescente que se preza deveria ler este livro, além de mostrar uma das épocas bem interessantes da história brasileira, onde os jovens saiam nas ruas e protestavam, coisa que nos dias de hoje não acontecem muito, pois estão muito ocupados fumando maconha em universidades :/


Ficha Técninca
Título: Dom Casmurro
Autor: Machado de Assis
Editora: Paulus
Edição: 2ª Edição
Capítulos: 148
Páginas: 185

  Obra prima do Realismo, escrita pelo gênio Machado de Assis, Dom Casmurro é uma história, intrigante e bem interessante, a história fala sobre Bentinho, um garoto que foi mimado por sua mãe, e sobre Capitu uma garota determinada e que sabe o que quer, o grande amor de Bentinho, acontece que sua mãe quer colocá-lo a todas as custas em um seminário para virar padre, enquanto estava lá, conheceu Escobar, um grande amigo, mais para frente, Bentinho se casou com Capitu e teve um filho, Ezequiel, acontece que todos falavam que Ezequiel parecia muito com Escobar. O que começou à deixar Bentinho com a pulga atrás da orelha, Capitu o traiu com Escobar, ou não? Sua desconfiança só aumenta quando Escobar morre e ele percebe Capitu olhando-o com seus olhos de ressaca, logo em seguida, Bentinho os deixa na Europa, onde Capitu também morre. Mais para frente, Bentinho recebe a visita de seu filho Ezequiel, que em uma linguagem chula, era Escobar escarrado e cuspido, porém após uma conversa, Ezequiel vai para uma região da África onde morre também. Bentinho se encontra sozinho no mundo e fica cada vez mais amargurado, por isso foi apelidado de Dom Casmurro.

sábado, 5 de novembro de 2011

Top 10... Videoclipes Estranhos

Olá pessoal, como sabem hoje é dia 5, ou seja, o primeiro sábado do mês, e o que o primeiro sábado do mês quer dizer aqui no Platina JP?

Top 10...
Videoclipes Estranhos!

Você votou e agora está na hora de saber o resultado. Sabemos que depois que a MTV foi inventada, a música não era mais somente para ser ouvida e sim vista. Mas tem gente que acaba estrapolando um pouquinho quando o assunto é vídeoclipes...

10. Weapon of Choice - Fatboy Slim feat. Bootsy Collins


  Fatboy Slim é um dos grandes DJs do meio da época dos anos 90, você provavelmente já deve ter ouvido alguma música dele, mas não deve saber. 
  A música é bem interessante, consegue misturar tipos diferentes de músicas e ainda misturar um vídeocliple bem interessante, a música conseguiu chegar ao 3º lugar das paradas.
  O vídeoclipe foi filmado em dezembro de 2000 em Los Angeles, dirigido por Spike Jonze, estrelando Christopher Walken dançando e até mesmo voando por um saguão de hotel vazio.


9. The Beautiful People - Marylin Manson


  Marilyn Manson com certeza é capaz de dar medo ou até assustar muito as pessoas com seus vídeoclipes, mas provavelmente o que mais assusta é o The Beautiful People, tanto que a diretora do clipe Floria Sigismondi disse que esse pode ser considerado o vídeoclipe mais assustador de todos os vídeoclipes.
  Filmado em Toronto no Canadá, The Beautiful People, mostra um cenário mais ou menos parecido com uma sala de aula decorada com várias proteses médicas e equipamentos de laboratório, sem falar da maquiagem horripilante de Marilyn e de cortes rápidos de minhocas, mãos e cabeças de manequins e botas de pessoas marchando.



8. DVNO - Justice


  Justice é uma dupla de DJs franceses, Gaspard Augé e Xavier de Rosnay que tem uma música um pouco mais voltada para o Electropop dos anos 80-90, e este estilo pode ser visto com clareza na música e no videoclipe de DVNO.
  Dirigido por So-Me, Yorgo Tloupas e Machine Molle, o vídeoclipe traz pequenos fragmentos das letras da música só que em estilo de logotipos de marcas dos anos 80 animadas, tais como HBO, 20th Century Fox, Sega, Audi e Universal Studios, porém o vídeo difere da música no final, pois a música encerra com um contra-baixo tocando e no vídeoclipe a música encerra com um piano.


7. Somebody That I Used To Know - Gotye feat. Kimbra


  Gotye é um cantor belga que faz muito sucesso na Europa, especialmente com seu último álbum, Making Mirros, nesta música ele canta junto com Kimbra, uma cantora neo-zelandeza que estreiou na carreira músical este ano.
   O videoclipe foi dirigido, produzido e editado por Natasha Pincus, e mostra Gotye nu - mas podem se aquietar garotas, nada explícito - contra uma parede toda pintada, e conforme ele canta, ele é pintado em stop-motion e se "camufla" na parede, logo em seguida, aparece Kimbra de costas pintadas, de perfil que canta ao lado de sua orelha.


6. Love Long Distance - Gossip


  Gossip é uma banda de indie rock, dance-rock e blues-punk, formado pela polêmica Beth Ditto, Brace Paine e Hannah Billie, é uma banda bem popular entre o pessoal GLBT. 
   Love Long Distance é um vídeoclipe bem interessante, o que aparentemente parece ser uma simples pista de patinação disco, mostra que as pessoas dançando e cantando... Tem balões na cabeça! Coisinha esquisita, não acham? Porém não é tão ruim como imaginam, a criatividade foi solta neste clipe!


5. Technologic - Daft Punk


  Daft Punk é um grupo de DJs que fez muito sucesso entre 1997 e 2005 com hits que provavelmente você já deve ter ouvido em algum programa de auditório, Daft Punk, assim como Justice, são uma dupla e são franceses, a dupla é formada por Thomas Bangalter e Guy-Manuel de Homem-Christo.
  Technologic é o terceiro vídeo dirigido pelo próprio grupo, o vídeo apresenta a dupla tocando em um palco estilo pirâmide. As letras da músicas aparecem em uma tela de TV enquando um robozinho observa e canta junto. Technologic pode ser até simples deste ponto de vista escrito, mas para ter suas próprias conclusões é melhor assistir o vídeo.


4. Left Behind - CSS


  CSS ou Cansei de Ser Sexy é uma banda brasileira que faz bastante sucesso no exterior, principalmente nos Estados Unidos, a banda é composta por Lovefoxxx (Ela nasceu na mesma cidade que eu :3), Adriano Cintra, Luiza Sá, Ana Rezende e Carolina Parra.
   Left Behind é um videoclipe peculiarmente diferente. O videoclipe foi dirigido e estrelado por Renata Abbade,  que dança e canta usando máscaras dos integrantes da banda. Curioso não acham?


3. Cocon - Björk
  Quem nasceu ou pelo menos viveu nos anos 90 já deve ter visto ou ouvido falar de Björk. Se você se impressiona com o vestido de carne de Lady Gaga, com certeza se impressionará com Björk e sua criatividade sem limites, com certeza ela é a Lady Gaga dos anos 90 e segue até hoje.
  Em Cocon, dirigido por Eiko Ishioka, Björk aparece aparentemente nua, mas ela está usando uma roupa bem fina e apertada que causa esta impressão e seu cabelo se assemelha a de uma Gueixa, então ela começa a fazer movimentos e fios vermelhor saem se seus mamilos, ela começa a brincar com eles, mas aos poucos está se transformando em um casulo, este como vários outros vídeos da cantora, foi banido do horário nobre da MTV.


2. Alejandro - Lady Gaga


  Sabemos que controvérsia é só um apelido para se referir à Lady Gaga e quando ela lançou Telephone junto com Beyoncé todos aguardavam uma continuação da música quando de repente ela surpreende a todos com um dos clipes mais estranhos e cheios de indiretas da história da música.
  Alejandro foi dirijido por ninguém mais, ninguém menos que Steven Klein, que já dirijiu outros vídeos da cantora. Alejandro apresenta Lady Gaga como se fosse a cordenadora de um seminário, o que pode ser contráriado ao ver o resto do vídeo. O vídeo é sobre a dor de ter perdido um amor à morte. Apesar de todo este lado romântico e tétrico, o vídeo nos deixou a impressão de ataques bem fortes contra a Igreja Católica, mas Klein se defendeu, dizendo que a tentativa da garota tentar escapar das trevas... Faz sentido? Digam por si mesmos:


1. E.T. - Katy Perry feat. Kayne West
  Quando Katy Perry apareceu na indústria da música, ela parecia aquela simples garota do Pop que cantava alegremente, porém essa imagem foi mudada para algo mais sério depois que o vídeoclipe E.T. foi lançado.
  Filmado em fevereiro de 2011 e dirigido por Floria Sigismondi (a mesma que dirigiu The Beautiful People de Marilyn Manson). O videoclipe começa com a canção Where In The World Can My Lover Be? de Midge Williams, o vídeo tem toda a temática espacial, mas o que mais assusta é o visual de Katy Perry, usando maquiagem pesada e roupas bem incomuns, o videoclipe chocou muitas pessoas e ela foi acusada de plágio da Lady Gaga pelo fato da mesma temática do vídeoclipe de Born This Way, mas cá entre nós... É impossível fazer um clipe de uma música sobre E.T. sem ter uma temática neste estilo!


Estranhos ou criativos? Depende do gosto de cada um, espero que tenham gostado deste Top 10 e o próximo tema do Top 10 será um tema bem light...
Coisas para fazer quando está com tempo livre

A votação vai até o dia 3 de dezembro até 12:00 horário de Brasília.
É só procurar ao lado direito, do blog ;D