Páginas

sábado, 30 de junho de 2012

[Project Glow] #3 - Convivência

 
#3 - Convivência
 
  Depois de terem assinado um contrato com a Platina Records, a carreira da banda Glow se alavancou totalmente. Todos estavam fascinado e a cada instante que passavam estavam subindo cada vez mais, logo já estavam fazendo tanto sucesso com o álbum de estréia We Glow, cada single que lançavam chegava rapidamente aos 1º lugares das paradas não só do Brasil, mas do mundo inteiro.
  Talvez esse tremendo sucesso tenha sido pelo fato da banda ser muito eclética no seu som, agrandando à crianças, jovens, adultos e idosos, rockeiros, rappers e poppers também. Porém nem tudo começou a ser um mar de rosas...
  Hikari foi a primeira a notar que algo estava errado. Porém não era culpa da banda, mas sim da mídia. A manipulação da mídia estava tornando a banda eclética em uma banda pão com ovo. Dando destaque apenas para uma pessoa em singular e tachando outros. No caso essa pessoa era Sakura, capas de revista, entrevista... Tudo estava diretamente relacionado com a loira dos olhos azuis.
  Era óbvio, qualquer um conseguiria perceber, sempre havia 5 holofotes para as cantoras, porém 4 deles estavam mais inclinados, inclinados para Sakura, dizia Hikari. Eu havia percebido isso, um pouco antes da gente encerrar o primeiro álbum We Glow, antes de encerrar a tour, enquanto isso as outras garotas e os garotos começaram a perceber isso após as gravações do segundo álbum Everybody Glows.
  O título do segundo álbum foi surgerido por Hikari, após ela ter escrito a música de mesmo nome. Ao contrário de suas composições, Everybody Glows, não havia críticas, porém o fato do álbum se chamar Everybody Glows, já era em si, uma crítica e tanto. 
  Não foi por acaso que escolhi este nome... Dava certo com tudo, era como se fosse a continuação do álbum anterior para os outros, mas para mim, era uma crítica, afirma Hikari. Se todos temos uma chance de brilhar, por que desviam o nosso brilho? Por favor, a banda se chama Glow e não Sakura.
  Na frente das câmeras, a banda Glow parecia prosperar muito, porém atrás das câmeras a história era outra, haviam brigas constantes e a banda planejava se separar no final da Glowing World Tour e depois quem, quisesse, seguiria seu caminho solo. Batia o pé no chão, discutindo, mas também morria de medo da banda se desmanchar, Glow era meu sonho, tudo que pedi, eu não podia arriscar e começar do zero de novo... 
Hikari em comercial para o 3º Álbum: Shiawase
  Após uma longa coletiva de imprensa, Sakura declarou tudo que estava acontecendo, os ataques da mídia e as brigas internas e tinha sim, declarado o fim para Glow. Porém ao final do que seria o último show de todos, em São Paulo, Sakura, junto com a banda inteira, declararam que a banda não iria se desamanchar, aliviando o coração de milhões de fãs. 
  Tanto que o 3º Álbum da banda foi entitulado de Shiawase, Felicidade em japonês, para expressar o sentimento de paz que circulava pela banda.
  Porém quando a banda lançou o álbum de compilação de Hits, The Glowest Hits, a Platina Records anunciou algo que assustou muitos fãs, Sakura se lançaria em carreira solo. Isso seria o fim. Com a carreira solo Sakura gravou um álbum, Meu Momento e um EP, Meu Outro Momento. Porém os holofotes se viraram todos a ela e a banda foi sendo tachada aos poucos. Tanto, que Sakura botou um fim na sua carreira solo e pelo twitter anunciou a gravação do 4º álbum: Just Glow. Tudo ia bem, a banda estava bem e isso permaneceu até o 5º álbum: Glowing On The Dancefloor
  Sakura foi viajar assim que acabou a tour do nosso 5º álbum, e depois disso ela ficou uns 2 meses incomunicável, comentou Hikari. Porém combinamos de gravar o 6º álbum e ela havia concordado numa boa, porém quando todos estávamos esperando Sakura chegou, entrou no estúdio, uma garota de cabelos rosa escuro, toda vestida de preto. Era Sakura.
  Os pais de Sakura se separaram durante a viagem em família que Sakura havia planejado, e tudo foi um inferno. Todos ajudaram Sakura a superar essa situação, dedicando o 6º álbum, Feelings, a ela, tanto que em boa parte das músicas só Sakura canta. Essa terapia hava dado certo, pois Sakura foi melhorando seu humor, e não decidiu cortar o cabelo nem nada, resolveu deixá-lo crescer naturalmente e quando chegasse o tamanho desejado, cortou a parte pintada de rosa escuro. 
  Depois de tudo isso, veio a segunda compilação de hits: Just The Greatest Hits e a chance de Kyou se lançar em carreira solo. Kyou havia se dado muito bem, entrado de cabeça com seu álbum Kyou¹³, porém, devido a um bloqueio mental de criatividade em composições para um segundo álbum e assédio da imprensa, fazendo-a passar pela imagem de revoltada, Kyou desistiu.
  A banda havia conseguido estabilidade, e isso pôde ser visto nos 3 álbuns seguintes: Deluxe, Perfect Deluxe e Celebration
  Quando haviamos lançado a nossa terceira compilação de hits, Platinum Angel, o dono da Platina Records havia me chamado para conversar em sua sala, e aquela conversa mudou totalmente o rumo de minha vida.
 

terça-feira, 26 de junho de 2012

O bom filho a casa torna

Pego minhas chaves e abro o portão do meu blog... O coitado está tão abandonado que quando eu abro faz um rangido irritante, abro a porta da frente e saem até morcegos. Decido ligar a luz e percebo que o lugar está todo empoeirado e cheio de teias de aranha...

OK, chega de drama. Sim, meu blog estava abandonado, mas eu tenho explicações palusivamente compreensivas para vocês!

× ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ ///

Primeiro eu queria postar algumas fotos que eu tirei ontem...

 Eu, a Kibe e a Thaís

 As cobras e o lagarto kkkk, eu, a Thaís, a profª Iara, Carol e Kibe... [Não reparem que meus olhos saíam embassados :/]

Era um dia normal... Pouca gente na aula, e reta final de semestre... Na verdade é a última semana do SESI antes das férias de julho, então a gente aproveitou um pouco... É claro, tem muito mais fotos... E você pode ver o resto no meu facebook depois ;)

× ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// ~ ×

Por que eu sumi?
  OK... O que aconteceu... Na semana que era para eu me dedicar 100% ao Project Glow, aconteceu algo não inesperado, mas repentino. Minha Tia, o seu marido e minha prima vieram do Nordeste aproveitar um pouco as férias e passaram o mês de junho inteiro aqui. 
  Aí você pensa... E daí? Você não pode postar por isso? Acontece, que por incrível que pareça, a minha prima de 4 anos simplesmente é um grude comigo, e eu acho isso muito bonitinho *-*, por que geralmente é difícil alguma criança gostar de mim do mesmo jeito que ela gosta, tipo, não era como se a gente fosse primos, era como se a gente fosse irmãos, e para alguém que é filho único, isso é quase mágico.
  Acontece que há uma grande diferença entre São José do Seridó no Rio Grande do Norte para Campinas em São Paulo... O que aconteceu é que ela ficou um pouco confinada aqui em casa... Por que aí você pensa... Né? Lá, como é uma cidade pequena, não há problema dela sair na rua para brincar... Agora aqui, onde é uma cidade grande e as ruas são movimentadas, onde passa carro a cada instante, fica meio difícil né?
   De vez em quando vem algumas crianças brincar com ela, mas só de vez em quando... Então, todo o tempo livro que eu tinha eu tive que gastar com ela... Mas fazer o quê, não é? n_n

× ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// ~ ×

Project Glow
  Sim... O Project Glow atrasou feio... Mas eu posso dar uma adiantada para vocês do próximo capítulo:
#2.5 - Convivência (Trailer)
  Depois de terem assinado um contrato com a Platina Records, a carreira da banda Glow se alavancou totalmente. Todos estavam fascinado e a cada instante que passavam estavam subindo cada vez mais, logo já estavam fazendo tanto sucesso com o álbum de estréia We Glow, cada single que lançavam chegava rapidamente aos 1º lugares das paradas não só do Brasil, mas do mundo inteiro.
  Talvez esse tremendo sucesso tenha sido pelo fato da banda ser muito eclética no seu som, agrandando à crianças, jovens, adultos e idosos, rockeiros, rappers e poppers também. Porém nem tudo começou a ser um mar de rosas...
  Hikari foi a primeira a notar que algo estava errado. Porém não era culpa da banda, mas sim da mídia. A manipulação da mídia estava tornando a banda eclética em uma banda pão com ovo. Dando destaque apenas para uma pessoa em singular e tachando outros. No caso essa pessoa era Sakura, capas de revista, entrevista... Tudo estava diretamente relacionado com a loira dos olhos azuis.

Se quiserem saber o resto, vão ter que esperar mais um pouquinho ;D


× ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// ~ ×

Blogger Problems

 
Eu peço desculpas, eu não fiz nada relacionado á paródia por que vocês sabem qual era a razão certo? Mas pretendo pelo menos poder adiantar um pouco mais a letra da paródia. Outra coisa também... Quando fiz o post falando sobre a paródia, não recebi o Feedback que desejava...
Porém se você nem sabia da existência desse projeto, você pode se informar aqui!

× ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// ~ ×

memoryhouse.project

 

memoryhouse.project é um projeto com o intuito de divulgação da banda americana Memoryhouse e seu incrível trabalho com a música. Essa divulgação será feita por meio de vídeos legendados em português. O projeto estreia no Youtube no dia 2 de Julho de 2012. Não percam!

× ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// × ~ /// ~ × ~ /// ~ ×

Bom... Acho que é só! Até a próxima!!!
Ah! E mais uma coisa!!! EU VOU comentar nos blogs de vocês, tenham um pouco de paciência!

E.M.D. 

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Bloggers Problems

Oi Pessoal!
Vocês já viram o vídeo Hot Problems das Double Take?
Não?
Então se atualize abaixo....
Se seu ouvido não tiver explodido, eu gostaria de propor algo á vocês...
Deem uma olhada por aí nas paródias que rolam pela internet, e eu gostaria de propor algo à vocês...
Estava pensando em gravar uma paródia também...
O que acham?

Blogger Problems!
Eu ainda vou fazer as letras e talz... Mas antes de tudo, uma pergunta geral...
A paródia devia ser em português ou inglês???
Pensem e respondam nos comentários, OK?

Por que Rebbeca Black foi só o começo!

sábado, 2 de junho de 2012

[Project Glow] #2 - We Started This!

*Lembre-se: Tudo isso é fictício! Essas músicas pertencem e são cantadas por pessoas no mundo real

Project Glow #1 (Clique para ver)



#2 - We Started This!

   Hikari havia entrado com êxito em música na Unicamp. Novas portas começaram a se abrir para ela, enquanto cada vez mais ela dava um passo adiante. Não foi difícil se enturmar. "Foi a coisa mais clichê do mundo! Acredite!", disse Hikari sobre sua primeira amizade na faculdade. Enquanto fugia dos trotes da tinta plástica no cabelo, Hikari se esbarrou com um garoto, derrubando. Então foi aquela cena super clichê dos filmes americanos, eles pegam os livros rapidamente e sem querer tocam as mãos...
  Mais tarde, Hikari ficou sabendo o nome do garoto, Okazaki, provavelmente o aluno mais novo da sala, 16 anos. Pode-se dizer que Okazaki é um meio termo entre ser humano normal e super dotado. Ele pulou a 7ª série e já foi direto para a 8ª, e passou na Unicamp em 1º lugar. 
  Foi instantâneo e os dois já viraram amigos, foi quando, aos poucos, eles começaram a ampliar sua roda de amizade. "Aquilo tudo foi muito estranho e muito rápido... Uma hora eu estava apenas com o Okazaki e depois eu estava cercada de 9 pessoas!" 
  Suas novas amizades incluiam, Sakura, uma garota praticamente comum, porém que almejava o mesmo sonho de Hikari, ser uma cantora profissional e fazer muito sucesso; Makenshi, o guitarrista charmoso, tinha os cabelos descoloridos em um branco total, sutil, porém direto; Kyou, uma rockeira que tocava guitarra e tinha uma voz incrível, causando inveja em várias pessoas; Lenny, um tecladista que, assim como Hikari, sofria bullying na escola, porém foi o único dos 5 3º Anos de sua antiga escola que conseguiu passar na Unicamp; Yuki, assim como Sakura, uma garota comum, tímida até dizer chega, mas de acordo com Hikari, Yuki é aquele tipo de pessoa que é tímida no começo e depois se abre; Youhei, um baterista recordista de piadas sem graça, porém conseguia fazer solos incríveis que deixavam as pessoas com os cabelos em pé; Yura, uma garota considerada culta. Ouvia de tudo um pouco, e sua voz conseguia subir e descer várias oitavas, coisa que pouquíssimas cantoras conseguem fazer e o baixista silêncioso, Leon, individualista e costuma se irritar bastante com Hikari.
  Para completar, Okazaki era DJ e manjava muito de gravadoras, e isso foi basicamente o empurrão para que os 10 amigos decidissem lançar um álbum. Gravado nos estúdios da Unicamp, nasceu o EP We Started This! da banda Glow.
  "Até hoje ninguém entendeu por que a banda se chama assim... Simplesmente em um momento de distração, o nome veio na cabeça de Makenshi e ele simplesmente repetiu e todos viram que tinham uma pegada legal... Estranho de mais... Mas para ser sincera, eu estava gostando também."

*Eu disse que não entraria muito a fundo na discografia da banda Glow, pois é imensa, mas quis mostrar o primeiro trabalho da banda para vocês*

We Started This!
  

Estilo de Álbum: EP/Demo
Gênero: Pop, Rock Pop, Indie Pop, R&B
Gravadora: Unicamp
Faixas: 4
Singles: 4

História e Composição
  Gravado no estúdio da Unicamp. We Started This! marcou o início da carreira músical da banda Glow.  O EP contém 4 músicas e todas as 4 viraram singles para divulgação. Todas as músicas foram compostas pela banda. Chameleon quis mostrar o lado Pop da banda, com uma pegada dançante e um pouco chiclete, Hikari teve uma grande participação na composição dessa música, falam que o estilo de Hikari foi se projetando com esta música. Hikari não expressou seu sentimentos, apenas escreveu essa música como a primeira coisa que veio na cabeça. Another World teve como frente Yura e Kyou, a música já se jogava para uma balada um pouco dançante, um Pop Rock. Yura foi responsáveis pelos versos, enquanto Kyou ficou na liderança no refrão. Call It What You Want, foi a vez de Yuki mostrar um lado mais indie e alternativo para a banda, tomando toda a composição à sua autoria. Call It What You Want teve uma grande participação de Okazaki e Lenny. La Da Da Dee é uma canção em estilo R&B composta por Sakura. Sakura recebe várias influências quando canta e deixou isso bem claro nesta música. A intenção de colocar 4 músicas de estilos que se diferem um pouco dos outros, foi para mostrar que a banda era bem eclética, o que aumentaria as chances de alguma gravadora os contratarem. Outro fato curioso que pudesse chamar a atenção é o fato da banda ter 10 membros sendo que 5, são cantoras.

Faixas
[CD]
1. Chameleon
2. Another World
3. Call It What You Want
4. La Da Da Dee

Singles

1. Chameleon


  Chameleon é o primeiro single da banda Glow, a música fala sobre pessoas falsas que conseguem se adaptar em qualquer sociedade, como um camaleão, daí a surgiu a analogia de Hikari que inspirou a composição. A música é animada e seu videoclipe mostra a banda tocando em um fundo feito de madeira escura, basicamente o principal intuíto do vídeo era introduzir a banda. O single se tornou bem popular na faculdade, sendo tocado até na rádio jovem Educadora.

2. Another World


  Uma surpresa para todos. A banda Glow teve a audácia de lançar outro single. Pelo menos na cabeça deles, este single, assim como o anterior, tinha intenção de divulgar a banda. E a atenção foi bem concedida. A banda ganhou um espacinho na revista Veja, que divulgou seu EP, com críticas altamente positivas. A música se trata basicamente sobre amor, quando você ama alguém, você simplesmente quer que esse amor te leve a um mundo diferente. Diferente do anterior, o videoclipe foi mais elaborado. Mostrava a banda em formação de triângulo, meninas na frente, meninos atrás. Suas posições mudavam conforme tocavam ou cantavam na música. Porém no meio do clipe, o mundo vira e mostra o pessoal na mesma formação, porém com roupas florescentes, mais para frente, o mundo vira e os meninos estão nos lugares das meninas e vice-versa, por fim, a última virada - e a mais hilária - mostra as meninas com as roupas dos meninos e vice-versa também.

3. Call It What You Want


  Mostrando um lado alternativo da banda, Call It What You Want conseguiu fazer uma das proezas que a banda mais almejava naquela época. A música fala sobre a interpretação que cada pessoa tem, que muitas vezes nunca é a correta. O vídeoclipe mostra os membros da banda em situações bizarras, como brincando de telefone sem fim com megafones, sendo jogados contra a parede e até mesmo em efeito dominó humano. E foi justamente esse tipo de videoclipe, que realzou a proeza da banda, o vídeo passou na MTV.

4. La Da Da Dee


  La Da Da Dee foi o último single do álbum. A banda havia conseguido o que precisava no momento. Tocar na maior rádio da cidade, ser indicado por uma revista influente e formadora de opinião e ter seu clipe na MTV. Havia algo a mais? Sim, com La Da Da Dee, a banda abriu fronteiras, sabendo que várias pessoas ao redor do mundo ouviam sua música. A música é bem randômica, com uma pegada de R&B. O vídeclipe é em preto e branco, e mostra a banda passeando pela cidade de Campinas. O lançamento do single, também veio junto com um aviso: A banda faria definitivamente, um show para promover o EP.

Live!


Estilo de Álbum: Ao Vivo
Gênero: Pop, Rock Pop, Indie Pop, R&B
Gravadora: Unicamp
Faixas: 12+Bônus

História
  Finalmente a banda havia feito o show debut para o We Started This! O show foi realizado na Lagoa do Taquaral, e simplesmente lotou o lugar inteiro. A banda ainda conseguiu ser destaque do noticiário local e apareceu nos mais diversos jornais e revistas. Ele não cantaram somente as 4 músicas da Demo, mas também músicas de outras bandas como Red Hot Chilli Peppers e Pitty. Não foi lançado como álbum físico, ficou apenas disponível para Download no site da banda e ainda trazia uma faixa bônus, uma música inédita.

Faixas
[Download Digital]
1. Chameleon
2. Rollercoaster of Love [Red Hot Chilli Peppers Tribute]
3. Call It What You Want
4. Equalize [Pitty Tribute]
5. Can't Get You Out Of My Head [Kylie Minogue Tribute]
6. Another World
7. Losing Grip [Avril Lavigne Tribute]
8. Nobody Knows Me [Madonna Tribute]
9. La Da Da Dee
10. Don't Let Me, Give Me [P!nk Tribute]
11. Special [Garbage Tribute]
12. Everybody Wants To Rule The World [Tears For Fears Tribute]
13. We Glow [Bonus Track]

The Starting Remixes



Estilo de Álbum: Remix
Gênero: Pop, Rock Pop, Indie Pop, R&B, Eletrônica
Gravadora: Unicamp
Faixas: 8

História
   Em parceiria com 3 DJs da Unicamp: BackPack, Pink Lash e Let.It.Bee, Okazaki (O'k) organizou um álbum de remixes para as músicas do EP. O álbum também não foi lançado fisícamente, e sim para download no site da banda e também dos DJs O álbum também ajudou a divulgar o trabalho dos DJs.

Faixas
 [Download Digital]
1. Chameleon [O'k Mix]
2. Another World [BackPack Mix]
3. Call It What You Want [Pink Lash Mix]
4. La Da Dee [Let.It.Bee.Mix]
5. Call It What You Want [O'k Mix]
6. Chameleon [Pink Lash Mix]
7. La Da Dee [BackPack Mix]
8. Another World [Let.It.Bee.Mix]

Glow 1st Collection

Estilo de Álbum: Coletânea
Gênero: Pop, Rock Pop, Indie Pop, R&B, Eletrônica
Gravadora: Platina Records [CD 4]
CDs: 4 + 1 DVD
Faixas: 4 [CD 1], 12+Bônus [CD 2], 8 [CD 3], 4 [CD 4]
História
    Para comemorar o laçamento do décimo álbum da banda Glow, a banda lançou esta coletânea, que continha 4 CDs e 1 DVD. Dentre os CDs estavam o EP We Started This, Live!, The Starting Remixes e um álbum com as músicas do 1º EP remasterizadas, com o intuíto de mostrar a evolução da banda ao longos dos álbuns. No DVD se encontravam os clipes das músicas e o show no Taquaral, mais uma entrevista na MTV.

Faixas
 [CD 1]
1. Chameleon
2. Another World
3. Call It What You Want
4. La Da Da Dee
[CD 2]
1. Chameleon
2. Rollercoaster of Love [Red Hot Chilli Peppers Tribute]
3. Call It What You Want
4. Equalize [Pitty Tribute]
5. Can't Get You Out Of My Head [Kylie Minogue Tribute]
6. Another World
7. Losing Grip [Avril Lavigne Tribute]
8. Nobody Knows Me [Madonna Tribute]
9. La Da Da Dee
10. Don't Let Me, Give Me [P!nk Tribute]
11. Special [Garbage Tribute]
12. Everybody Wants To Rule The World [Tears For Fears Tribute]
13. We Glow [Bonus Track]
[CD 3]
1. Chameleon [O'k Mix]
2. Another World [BackPack Mix]
3. Call It What You Want [Pink Lash Mix]
4. La Da Dee [Let.It.Bee.Mix]
5. Call It What You Want [O'k Mix]
6. Chameleon [Pink Lash Mix]
7. La Da Dee [BackPack Mix]
8. Another World [Let.It.Bee.Mix]
[CD 4]
1. Chameleon [Re.Make]
2. Another World [Re.Make]
3. Call It What You Want [Re.Make]
4. La Da Da Dee [Re. Make]
[DVD]
1. Chameleon
2. Rollercoaster of Love [Red Hot Chilli Peppers Tribute]
3. Call It What You Want
4. Equalize [Pitty Tribute]
5. Can't Get You Out Of My Head [Kylie Minogue Tribute]
6. Another World
7. Losing Grip [Avril Lavigne Tribute]
8. Nobody Knows Me [Madonna Tribute]
9. La Da Da Dee
10. Don't Let Me, Give Me [P!nk Tribute]
11. Special [Garbage Tribute]
12. Everybody Wants To Rule The World [Tears For Fears Tribute]
13. Chameleon [Video]
14. Another World [Video]
15. Call It What You Want [Video]
16. La Da Da Dee [Video]
17. MTV Interview